http://amzn.to/2vXW7B8

Resenha do livro " Qual seu número" de Karyn Bosnak da Editora Novo Conceito

Sinopse: 
Sinopse: Delilah Darling tem quase 30 anos e já se relacionou com 19 rapazes. Sua vida sentimental não tem sido exatamente brilhante, pois todo cara que conhece parece fugir do relacionamento. Quando lê uma matéria no jornal em que a média de homens para uma mulher é de 10,5, fica desesperada e assustada por estar muito acima dessa média. Além de tudo, o artigo no jornal terminava falando que, se a mulher tivesse o número acima dessa média, seria impossível a pessoa certa. Na tentativa de não aumentar seu número e perder de vez a chance de se casar, Delilah sai à procura de seus antigos namorados e tenta reconquistá-los. Será que um deles estará disposto a esquecer do passado e começar uma linda história de amor? Qual seu número revela os segredos de cada mulher e prova que, quando se trata de assuntos do coração, números são apenas uma fração de tempo. 

Autor : Karyn Bosnak
TituloQual Seu Número?
SeloNOVO CONCEITO 
Ano: 2011 Edição: 1
Número de páginas: 432

Depois de uma leitura descontraída e engraçada não tem coisa melhor do que contar alguns trechos para os amigos e aí começa uma piada atrás da outra.  Aí me perguntam: “Qual Seu número? e respondo na mesma moeda: Estou entre o 44 e 46!!! “E quando falo do meu número, é claro que estou falando do meu manequim gente! “

Vamos parar de falar de mim e começar a falar sobre a história que acabei de ler.

“Meu nome é Delilah Darling. Tenho 29 anos. Sou solteira, e, bem... sou uma mulher fácil.” Pg1

É assim que nossa protagonista se apresenta.   Ela trabalha como Gerente de Projetos em uma empresa de Design e sua vida vira do avesso quando, após terminar um namoro de quatro meses, dá de cara com uma publicação no seu jornal favorito sobre os resultados da maior pesquisa sobre sexo do mundo.

Uma pessoa tem, em média, 10,5 parceiros sexuais durante a vida.” Pg 4

Depois disso entra em desespero, pois o seu número estava em 19 - quase o dobro da média nacional.  E o pior é que ainda não tinha encontrado o cara certo! Resolve então que não vai dormir com mais nenhum até encontrar o  homem certo que será o vigésimo.


Planeja tudo, mas o que não esperava era ser despedida e para completar após tomar algumas doses de tequila acaba indo dormir com seu ex-chefe, Roger. Entrou em paranoia total e é quando procura um apoio espiritual e vai a igreja para se confessar. 


Uma parte hilária quando descobre que o padre é o Daniel o número 2.  Conversam e ele propõe a ela fazer uma lista de todos e procurar ver como estão e se entre eles não está o homem de sua vida.

Começa a busca da Delilah e vamos convivendo com outros personagens fantásticos e divertidos. Michelle sua amiga, sua mãe que por ela não ter namorado acha que tem algo errado com sua filha. É chata, mas super divertida. Sua irmã Daisy que vai se casar com Edward, seu avô e mais uns tantos outros. 


Para ajudá-la na procura aos homens de sua lista ela vai contar com o seu vizinho Colin (um pedaço de mal caminho)  que  trabalha como investigador particular e também como barman. Enquanto ele investiga ela viaja em busca  do seu grande amor. Uma história super agradável  que vai seguindo um caminho gostoso de se ler.

Poderia continuar contando mais fatos e momentos apaixonantes mas tenho certeza que cairia no spoiler e então fica aqui o suspense, a curiosidade para que venham descobrir  se a nossa querida Delilah realmente encontra o homem de sua vida  entre  os seus 20.

Ela vai parar no  vigésimo ou será que chega no vigésimo primeiro?

O exemplo da história da Delilah é  possível ser visto por estas mulheres  guerreiras, independentes e que encaram a vida de uma forma  simples e autêntica. O amor é para ser vivido  e quando  ele bate não paramos para contar  que número é e sim o que estamos sentindo naquele momento.

O livro virou um filme tendo como protagonista  Chris Evans e apesar de ser um pouco diferente é divertido e vale a pena assistir. Veja o trailer abaixo.










Resenha postada na Vitrine de Promoções

12 comentários

  1. Adorei a resenha, ficou divertida rsrsr Fiquei aqui pensando que quero ler esse livro. E sim, gostaria de ser uma mulher fácil, acho que elas ao menos se divertem. rsrs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leia sim Pandora que você vai gostar e se divertir com a Delilah. E se não tem o livro já é uma boa dica para um bom presente!

      Beijos
      Irene Moreira

      Excluir
  2. eu estou louca pra ler este livro
    inventei de assistir o filme primeiro e agora fiquei com mais vontade ainda hahaha
    adorei!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Rayme
      Eu gosto de ler o livro antes do filme, mas comigo acabei vendo o filme primeiro. Pensei que ia ser uma leitura sem graça, mas ao contrário o livro nos diverte e prende muito mais queo filme.

      Beijos
      Irene Moreira

      Excluir
  3. Irene, excelente resenha. Estou começado a ler esse tipo de livro agora e,na média, estou me dando bem. Meu problema maior é quando não me dou com o personagem principal, mas pela resenha parece que Delilah é bastante divertida, então as coisas podem ser favoráveis.

    Grande abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Luciano
      Realmente você vai gostar porque Delilah é muito divertida. É uma leitura super agradável. Para nós que estamos neste mundo literário o ser um pouco eclético é muito bom porque muda a nossa opinião com relação que temos com certos tipos de leitura.

      Hoje mesmo sendo uma leitura um pouco sem sal sempre procuro encontrar algo de bom.

      Beijos
      Irene Moreira

      Excluir
  4. Tô louca para ler o livro e depois ver o filme,bjs
    Luciane Oppelt

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Luciane
      Recomendo demais e tenho certeza que vai gostar muito. Obrigado por sua visita e comentário.

      Beijos
      Irene Moreira

      Excluir
  5. Oi,Irene.
    Eu sou louca por esse livro. Consegui finalmente trocá-lo essa semana no Skoob,tamanho meu desespero para lê-lo..rsss! Que bom que consegui!
    Todas as resenhas que li a respeito eram muito positivas,por isso,não quero mais perder tempo..rss
    Amei a resenha,bem expositiva e muito encantadora.
    Bjs e bom fim de semana!
    E se, você for mãe,desejo-lhe um Feliz Dia das Mães.E se for avó,duas vezes mais..
    Tem resenha nova no blog: Resenha] Querer sem Medida, de Gilmar Marcílio @BelasLetras http://nblo.gs/xxsaa

    ResponderExcluir
  6. Eu assisti o filme pela sua resenha tem bastante coisas diferentes mas o filme é bem engraçado e eu gostei

    bjos

    ResponderExcluir
  7. Assisti o filme depois comprei o livro. Gostei mais do livro.
    Nossa algumas pessoas levam bem a sério essas revistas com pesquisas que resolvem seguir a risca o que está sendo comentado.
    A protagonista passa por situações hilárias, ainda mais achando que vai ficar solteirona e tudo por causa de um número que a revista deu durante a enquete.

    ResponderExcluir

Obrigado pela sua visita!
Seu comentário é muito bem vindo!
Volte sempre !

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...