http://amzn.to/2vXW7B8

Resenha "Nove regras a ignorar antes de se apaixonar" Os números do amor #1 de Sarah MacLean



Livro: Nove regras a ignorar antes de se apaixonar (#1- Série Os Números dos Amor)
Autor: Sarah MacLean
Editora: Arqueiro
Ano: 2016
Páginas: 384
Edição: 1
ISBN: 9788580415049

Sinopse:A sonhadora Calpúrnia Hartwell sempre fez tudo exatamente como se espera de uma dama. Ainda assim, dez anos depois de ser apresentada à sociedade, ela continua solteira e assistindo sentada enquanto as jovens se divertem nos bailes. Callie trocaria qualquer coisa por uma vida de prazeres.E por que não se arriscar se, aos 28 anos, ela já passou da idade de procurar o príncipe encantado, nunca foi uma beldade e sua reputação já não lhe fará a menor diferença? Sem nada a perder, a moça resolve listar as nove regras sociais que mais deseja quebrar, como beijar alguém apaixonadamente, fumar charuto, beber uísque, jogar em um clube paracavalheiros e dançar todas as músicas de um baile. E depois começa a quebrá-las de fato.Mas desafiar as convenções pode ser muito mais interessante em boa companhia, principalmente se for uma que saiba tudo sobre quebrar regras. E quem melhor que Gabriel St. John, o marquês de Ralston, para acompanhá-la? Afinal, além de charmoso e devastadoramente lindo, ele é um dos mais notórios libertinos de Londres.Contudo, passar tanto tempo na companhia dele pode ser perigoso. Há anos Callie sonha com Gabriel e, se não tiver cuidado, pode acabar quebrando a regra mais importante de todas – a que diz que aqueles que buscam o prazer não devem se apaixonar perdidamente.




Nove regras a ignorar antes de se apaixonar é o primeiro livro da trilogia Os números do Amor da autora Sarah MacLean. Uma leitura que terminei anestesiada e com os olhos inchados de chorar pela emoção que fui levada por Callie e Gabriel no desfecho desta comovente história. Mas não só me fez chorar como também me fez rir, por diversas vezes, com as travessuras e bravuras que nossa protagonista apronta mostrando-se uma pessoa de personalidade forte e determinada na busca do que deseja. 


Logo no início somos apresentadas a nossa heroína,uma jovem, filha mais velha do conde e da condessa de Allendale, que aos 17 anos está no baile sendo apresentada a sociedade londrina. Estava usando um vestido que sua mãe dizia ser o auge da moda em uma cor laranja, sendo que um tanto espalhafatoso sentindo-se "embalada feito um peru de Natal".Fora isso ela não era uma pessoa de uma beleza a primeira vista, seu corpo fugia aos padrões da época e para completar, Lady Calpúrnia Hartwell, carregava um nome de que não se orgulhava. Triste e sentindo-se horrorosa ela foge para as sombras do jardim para evitar os velhos, pobres e sem graça, os únicos que a convidavam para dançar. Entregue as suas lamentações em voz alta foi surpreendida pelo Marquês de Ralston,um homem charmoso e bonito sendo um dos mais notórios libertinos de Londres. Callie levou um susto e procurou fugir ao escutar sua risada, mas o marquês fora um cavaleiro e logo ambos se reconheceram. Constrangida não pode deixar de responder as suas perguntas e boba quando ele não ligara para seu vestido, dissera que seu nome fora de uma imperatriz forte, linda e inteligente. Não pode resistir as suas palavras sinceras e sentir que aquele príncipe entre todos prestara atenção nela."Se sou uma imperatriz ele é o único homem digno de ser meu imperador." Mas o sorriso em seu rosto logo se desfez ao vê-lo ir ao encontro de sua amante e viu como se beijavam, trocavam carícias íntimas. Sentindo uma pontada de inveja e reações que não eram dignas de uma dama ela correu de volta ao jardim  e tudo que o Marquês lhe dissera perdera o encanto.


"Não, ela não era Calpúrnia, imperatriz de Roma. Era a mesma Callie sem graça que sempre fora. E que sempre seria."

Passados dez anos Gabriel St. John, marquês de Ralston, estava com a amante em sua casa quando é procurado por seu irmão gêmeo, Nicholas St. John, que não o encontrando na Casa Ralston não tivera outra alternativa. Sendo Gabriel o irmão mais velho  não poderia deixar de informá-lo de que parecia que tinham uma irmã. Não tinham nem dez anos quando a mãe os deixara e a seu pai que não resistira a tanta dor e tristeza. Sobreviveram a deserção da mãe e a morte do pai e agora descobriram que "ela havia destruído outra família, a ferida fora reaberta." Tinham uma meia irmã, Juliana Fiori, filha de um mercador veneziano com muito dinheiro que lhe deixara todas as suas posses. Não havia dúvidas de que ela era irmã deles, pois era a imagem da mãe - alta, graciosa, encantadora e com um fogo no olhar. Gabriel era responsável por ela até se casar, mas Juliana queria voltar para a Itália e ele a convencera a ficar por dois meses. Ela tinha vinte anos e perante a sociedade ela seria vista como filha de uma mulher desonrada e um pai plebeu. Precisavam se portar com absoluta lisura, pois a reputação deles seria a dela e iriam apresentá-la a sociedade. Gabriel encerraria seu envolvimento com Nastácia - a cantora de ópera.  Agora precisava encontrar alguém de caráter impecável para ser sua madrinha.

Callie está com 28 anos e vive na biblioteca entregue a leitura de romances que a fazem suspirar e sonhar com o seu príncipe encantado. " Tinha total consciência de como era boba sonhando com os protagonistas de seus livros" e todos eles eram imaginados na figura de Gabriel St. John, marquês de Ralston, o único homem com que já havia sonhado. Na sua idade não tinha mais esperanças de se casar e todos os poucos pedidos de casamento que recebera não foram aceitos pelo seu irmão Bennedick Hartwell, agora o conde de Allendale que também ainda não tinha se dignado a casar. Para alegria de toda a família sua irmã, Mariana, com seus 18 anos era a bela da temporada e estava noiva de James Talbott, o sexto duque de Rivington. Callie estava feliz pois sua irmã iria se casar por amor o que sempre sonhara.  Finalmente sua mãe a condessa-viúva de Allendale iria casar um dos filhos. Callie foi se refugiar no escritório do irmão a quem chamava carinhosamente de Benny para fugir de sua tia e não ter que ouvir comentários desagradáveis em virtude do casamento da irmã. Seu irmão tentou lhe mostrar que ela podia ter mais do que a sua reputação e tentar fazer coisas (dentro de casa). Que adiantava ter uma reputação ilibada e uma das mais respeitadas da alta sociedade?  


Foi assim que surgiu uma lista de nove coisas que gostaria de fazer e que pudesse ter outra história que não fosse a chata da vida que possuía. Imaginava fazendo cada um dos itens da lista o que a levou a sorrir. Iria mostrar que não era uma mulher "passiva". " - Ela precisava de uma aventura."
Já não usava a toca na cabeça e seus cachos estavam soltos no rosto. Iria sair naquela noite e a primeira regra - "Beijar alguém... apaixonadamente" a levara a porta da Casa Ralston. Estava vestindo uma capa com  capuz e o mordomo nem se preocupou em anunciá-la levando-a diretamente ao quarto de Gabriel o homem que vivia em seus sonhos e devaneios. O marquês pulou de seu assento e como poderia imaginar que Lady Calpúrnia seria sua visitante noturna. A solução ao seu problema batera em sua porta, ou melhor em seu quarto e ninguém melhor do que ela com uma reputação impecável para guiar sua irmã para entrar na sociedade. Ele a beijaria, mas haveria uma troca e então selariam esse acordo com um beijo. Ele tocou seus lábios e Callie pulou levando suas mãos até os lábios. 


" Beijos não devem deixá-la satisfeita." - "Eles devem deixá-la querendo mais."

E a partir desse beijo vamos  acompanhar Callie realizando cada item de sua lista e tendo Gabriel como companheiro em suas loucas aventuras. Vamos presenciar momentos lindos e divertidos entre os dois, mas a cada encontro eles vão se entregando a uma grande paixão. Que fim estaria destinado a um marquês que não acredita em casamento por amor e uma mulher sonhadora e perdidamente apaixonada pelo seu príncipe?


- Preferiria que não usasse essa linguagem comigo.  – Preferiria, é? Bem, eu preferiria que a senhorita ficasse fora do meu clube de esgrima! Aliás, fora das minhas tabernas e do meu quarto! Mas parece que nenhum de nós dois vai ter o que quer! – Ele fez uma pausa, atônito. – Pelo amor de Deus, mulher, está tentando se arruinar?

Como não se apaixonar por essa história e pela escrita da autora. Sarah MacLean construiu uma história que me deixou querendo mais, que me fez ficar encantada com a pureza, a coragem de uma mulher generosa e tão linda que poderia conquistar o mundo com tanto amor que tem em seu coração. Uma história que me prendeu em todos os momentos torcendo para que pudesse chegar ao "felizes para sempre" e que ela conseguisse não só cumprir as regras, mas ensinar sobre a verdade do amor e realizar o maior de seus sonhos.  


"– Não chegaria ao ponto de achar que o amor é tão perfeito quanto esses poetas gostariam de nos fazer crer, mas acredito em casamentos por amor."

A editora Arqueiro mais uma vez arrasou na capa e apresentação deste romance de época que ficou na lista de meus favoritos e não vejo a hora de estar com o próximo livro nas mãos. Uma leitura mais do que recomendada.




#euleioarqueiro



Livro cedido por nossa parceira Editora Arqueiro


23 comentários

  1. Oi, Irene!
    Eu estou lendo esse livro e amando. A Callie é uma fofa!
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lu! Tenho certeza que já deve ter concluìdo sua leitura e como eu favoritado. É tudo muito lindo.
      Beijinhos

      Excluir
  2. Oi Irene,
    Preciso ler esse livro ♡
    Todo mundo esta falando tão bem.
    Preciso!
    Bjs
    http://diarioelivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Jessica!
      Você tem que ler e vai ficar como eu apaixonada por Callie e Gabriel:)
      Beijos

      Excluir
  3. Que resenha incrível! Me deixou ansiosa para ler essa história, amo romances de época, e esse me conquistou só pela sua resenha que é a primeira que leio! E alias está incrível, eu amei!
    Já está nos desejados.

    Beijos
    Dani Cruz
    E M C O M U M
    Twitter - @blogemcomum / Insta - @blogemcomum / Fanpage Em Comum

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Dani!
      Obrigado e ela é o reflexo de tanto que gostei dessa leitura. Se ama Romances de Época não pode deixar de ler.
      Beijos

      Excluir
  4. Este livro é muito amorzinho, tudo nele me conquistou, desde a capa, a sinopse e claro, o enredo, também tornou-se um dos meus favoritos. Amo romances de época e não resisto quando vejo a Arqueiro lançando, hehe.

    Beijo, Vanessa Meiser - Retrô Books
    http://balaiodelivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Van!
      É "muitoamorzinho" mesmo.Fã incondicional de Romances de Época e a Arqueiro nesse quesito está arrasando.
      Beijinhos

      Excluir
  5. Oi, Irene! Tudo bem? Adorei a resenha, mas o livro infelizmente não faz o meu estilo... :/

    Abraço

    https://tonylucasblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Tony!
      Agradeço seu comentário e mesmo não sendo seu estilo de leitura tenho certeza que sabe reconhecer uma boa leitura.
      Abraços

      Excluir
  6. Oi Irene! a arqueiro mais uma vez arrasou em trazer um romance tão bom, Sarah era uma autora que eu queria ler fazia tempo e me arrependo de não ter lido antes! Meu Deus, que linda é a Callie, não só pela sua aparência descrita, mas também pela sua coragem, seus desejos!

    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Como arrasou Thaila!!!
      A cada lançamento eu fico logo querendo ler. :)
      E a Sarah nesse romance me conquistou com essa história tão linda e apaixonante.
      Beijinhos


      Excluir
  7. Ai ai, quero muito ler esse livro me me arriscar nesse gênero de romances de época <3

    :)


    Então, Cheiro de Sonho foi publicado por uma editora, mas não deu certo.Com muita vontade de mostrar o meu trabalho para todos, estou disponibilizando no wattpad.Bora conferir?:https://www.wattpad.com/myworks/70805310-cheiro-de-sonho
    Beijinhos
    http://carolhermanas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com certeza Carol você vai gostar e ficar fã dos Romances de Época.
      Vou passar lá para conhecer o seu Cheiro de Sonho.
      Beijinhos

      Excluir
  8. Ai, eu quero muito, muito, muito ler esse livro. Dever ser mesmo maravilhoso. Ah, e adorei o gif com esse beijo de Norte & Sul. Amoooo! ♥

    =)

    Suelen Mattos
    ______________
    ROMANTIC GIRL

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se gostou do gif do beijo é isso que imaginei sobre o beijo Gabriel e Callie.
      Não deixe de ler Suelen porque é muito lindo<3

      Excluir
  9. Estou doida pra ler esse livro, curto muito romance de época, gosto muito da escrita da Sarah MacLean e cada resenha que leio dele me deixa ainda mais ansiosa em conferi essa história que parece mesmo ser maravilhosa!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É muito linda e não canso de falar :)
      Para quem já conhece a escrita da Sarah MacLean não tem como não ler essa trilogia.

      Excluir
  10. Oiiiii Irene, menina, estou bem no comecinho do livro e posso ver que o livro vai ser bom. Lendo a tua resenhe ai é que estou com mais vontade de terminar a leitura, espero que eu goste tanto quanto você querida. Ahhhhh, sobre a capa, é uma das mais bonitas de épocas lançadas pela arqueiro. Amoooo!

    Beijos
    E já estou seguindo o teu blog que é maravilhoso viu.

    Vento Literário / No Facebook / No Twitter

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa leitura Nathalia e claro que vai gostar :)

      Excluir
  11. Oi oi,

    li esse livro recentemente e também me apaixonei pela obra! O livro é divertido e apaixonante do início, além de bastante crítico! Eu também amei a capa desse volume e dos outros, mal posso esperar pelos próximos livros!

    Beijos!
    Participe do sorteio do livro Supernova: O Encantador de Flechas + Kit de mimos
    http://www.mademoisellelovesbooks.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ana!
      Fico feliz de ter mais uma que compartilha comigo a beleza desse romance.
      Vou lá sim participar do sorteio.
      Beijinhos

      Excluir
  12. Eu estou APAIXONADA até agora por esse livro! Li e resenhei ele para o
    #DoQueEuLeio e foi uma experiencia incrível! Nossa, como você disse Irene é para ri e chorar! A gente se emociona com esse livro, com a Callie com TUDO! Estou louca pelos próximos livros!!!

    Pandora
    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir

Obrigado pela sua visita!
Seu comentário é muito bem vindo!
Volte sempre !

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...