Lançamento Geração Editorial


Olá Pessoal!

Agosto é um mês de Bienal, Olimpíadas e que se comemora o dia do papai, nosso herói, que merece um presente especial. Confira aqui indicações de livros para todos os heróis. E agora vamos conhecer a novidade que a Geração Editorial está trazendo para seus leitores.




NOVA CAPA 

A Guerra da Água – Por que mataremos e seremos mortos no século 21

Autor: Harald Welzer 
Tradução: William Lagos 
Gênero: Ensaio 
Acabamento: Brochura 
Formato: 15,5x23cm 
Págs: 318   Peso: 437g 
ISBN: 9788581303567 
Preço: R$ 34,90 


Sinopse
Este livro impressionante e devastador nos informa que neste século XXI os homens não vão mais entrar em guerra, matar e morrer só por causa da economia, da religião e dos conflitos racionais, mas também em conseqüência das mudanças climáticas que podem tornar imensas áreas no planeta inúteis para a sobrevivência. Os espaços vitais disponíveis encolherão e provocarão conflitos armados permanentes. As guerras civis, os poderosos fluxos de refugiados e as injustiças atuais se aprofundarão. Ondas de refugiados climáticos e fugitivos do terrorismo vagarão às cegas pelo planeta. Harald Welzer nos aponta um cenário apocalíptico e adverte: o que estamos fazendo para conter o terror que se avizinha?


Capa anterior


Sobre o autor
Harald Welzer nasceu em 1958, atualmente é diretor do Centro de Pesquisas Interdisciplinares sobre a Memória do Instituto de Ciências Culturais de Essen, na Alemanha e professor pesquisador na área de Psicologia Social da Universidade Witten/Herdecke. O jornal “Der Spiegel” o apresentou em um artigo publicado em agosto de 2007, compreendido em sua série dedicada a cientistas proeminentes, como um “espírito transformador e produtivo” de vasta penetração entre o público. Welzer é autor dos seguintes livros: “Opa war kein Nazi.” Nazionalsozialismus und Holocaust im Familiengedächtnis [“Vovô nunca foi nazista”: O Nacionalsocialismo e o Holocausto na memória familiar] (em colaboração com S. Moller e K. Tschuggnall); “Täter. Wie aus ganz normalen Menschen Massermörder werden ” [Criminosos: Como pessoas perfeitamente normais se transformam em assassinos de massas]; e editou “Der Krieg der Erinnerung. Holocaust, Kollaboration und Widerstand im europäischen Gedächtnis” [A Guerra da Memória: o Holocausto, o Colaboracionismo e a Resistência no Pensamento Europeu], todos pela Editoral Fischer.






Um comentário

Obrigado pela sua visita!
Seu comentário é muito bem vindo!
Volte sempre !

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...